Abrantes - Câmara e Diocese juntam-se para salvaguardar e valorizar o património religioso e cultural - Circo Natureza

pub

20/08/2020

Abrantes - Câmara e Diocese juntam-se para salvaguardar e valorizar o património religioso e cultural

Foi apro­vado no dia 18 de agosto de 2020, o pro­jeto de pro­to­colo de co­la­bo­ração entre o Mu­ni­cípio de Abrantes e a Di­o­cese de Por­ta­legre e Cas­telo Branco para co­la­bo­ração téc­nica, ci­en­tí­fica e fi­nanceira vo­ca­ci­o­nada para a sal­va­guarda e va­lo­ri­zação do pa­tri­mónio re­li­gioso - ma­te­rial e ima­te­rial - da Di­o­cese, in­se­rido nas 17 pa­ró­quias lo­ca­li­zadas no con­celho de Abrantes.

Em comunicado, o Município de Abrantes anuncia que "as duas en­ti­dades vão juntar-se para in­ven­ta­riar, es­tudar, con­servar, re­a­bi­litar e di­vulgar o pa­tri­mónio re­li­gioso e cul­tural, cul­mi­nando com a elabo­ração das Cartas Mu­ni­cipal e Di­o­ce­sana do Pa­tri­mónio Re­li­gioso de Abrantes, em sin­tonia com os ins­tru­mentos mu­ni­ci­pais de gestão e pla­ne­a­mento do ter­ri­tório."

A par­ceria visa também criar con­di­ções com vista à can­di­da­tura do pro­jeto “Rotas do Sa­grado” ao Tu­rismo de Por­tugal.

O pro­to­colo prevê um apoio fi­nan­ceiro da Câ­mara Mu­ni­cipal de Abrantes à Di­o­cese de Por­ta­legre e Cas­telo Branco de 24 mil euros, por dois anos, e de­fine a forma como os re­cursos hu­manos e meios téc­nicos e tec­no­ló­gicos das duas en­ti­dades se vão ar­ti­cular para su­porte às di­versas ações.

© CM de Abrantes

Sem comentários: