Vila Nova da Barquinha - Lançamento de livro sobre a Base Aérea de Tancos

No âmbito do almoço convívio dos militares e civis que estiveram colocados ou em diligência permanente na Base Aérea N.º 3 (BA3), em Tancos, no concelho de Vila Nova da Barquinha, vai decorrer, no dia 21 de outubro, às 11h15, a sessão de lançamento do livro “Base Aérea de Tancos 1921-1994”, da autoria do Tenente-coronel Aires Marques.

Este convívio, que vai já na 16.ª edição, inicia-se com a concentração na porta de armas da Ex BA3, às 9h30, seguida de missa na Capela da Unidade, às 10h. O ponto alto do encontro será a entrega da Medalha de Honra do Município de Vila Nova da Barquinha ao Major General Carlos Perestrelo, às 11h00.

Atividades culturais irão preencher a tarde dos convivas, por entre memórias de outros tempos e momentos de confraternização. Para mais informações ou inscrições, deverá contactar a organização através do e-mail: comissaoalmoco.ba3@gmail.com.

Livro "Base Aérea de Tancos 1921-1994"

A história da “Base Aérea de Tancos”, da autoria do Tenente-coronel Aires Marques, é um inestimável contributo para o conhecimento das raízes da árvore centenária da História da Aviação Militar Portuguesa.

É uma viagem ao longo das 424 páginas que celebra a vida, a história e as estórias da Base Aérea de Tancos desde a sua criação em 1921, como Esquadrilha Mista de Depósito, depois Grupo Independente de Aviação de Proteção de Combate, Base Aérea de Tancos e, finalmente, Base Aérea n.º 3 até à sua desativação em 1994.

Recorda, sobretudo, uma Força Aérea que soube sempre preservar qualidades de resiliência, adaptabilidade, alcance e flexibilidade, como testemunhos essenciais para a defesa da nossa Pátria.

Ou seja, o livro é um repositório de extraordinário valor porque preserva a Memória coletiva da Força Aérea e a sua evolução, marcada por inúmeras adaptações, profundas transformações, momentos difíceis, causados pelo turbilhão da história, importantes inovações tecnológicas ou, simplesmente, a necessidade de permanecer em curso com os tempos e com uma sociedade perpetuamente em mudança.

Comentários