19/09/2016

Torres Novas - Jornadas Europeias do Património no Museu e em Vila Cardílio

O Museu Municipal Carlos Reis (MMCR), em Torres Novas, aderiu, uma vez mais, às Jornadas Europeias do Património, este ano subordinadas ao tema Comunidades e Culturas. Nesse sentido, irá promover nos dias 23, 24 e 25 de setembro um conjunto de atividades no museu mas também em Vila Cardílio.

Programa:
23 de setembro (sexta-feira), às 21h00, no MMCR | Inauguração de uma exposição de arqueologia intitulada “Um olhar sobre a Torres Novas medieval e moderna a partir da intervenção arqueológica na antiga Capela dos Anjos”coom apresentação de Helena Santos, uma das arqueólogas responsáveis pelo trabalho. A exposição estará patente ao público até ao final do mês de setembro.

24 de setembro (sábado), às 16h00, nas Ruínas Romanas de Vila Cardílio | «Vila Cardílio, uma revisão económica a partir da numismática.», pelo Dr. Noé Conejo, a partir do estudo realizado sobre a colecção de moedas romanas do MMCR, no âmbito do doutoramento sobre a economia monetária nas áreas rurais da Lusitânia romana. [Noé Conejo é investigador da Universidade de Sevilha, presentemente está a concluir esta tese num programa doutoral das Universidade Nova/Universidade de Sevilha]

17h00 | Visita à vila romana de Cardílio

17h30 | Cocktail e música na villa

25 de setembro (domingo), 17h00, no MMCR | Inauguração da exposição “A persistência da paisagem”, de Saul Roque Gameiro, que estará patente ao público até 16 de outubro. Saul Roque Gameiro nasceu em Minde em 1957. Interessa-se pela pintura desde a adolescência. Sobrinho-bisneto de Alfredo Roque Gameiro, encontra neste conhecido aguarelista inspiração e motivação para os seus primeiros trabalhos. Evolui posteriormente para uma linguagem de pintura contemporânea. Esta exposição aborda sucintamente esse processo.

Sem comentários:

Enviar um comentário