Mação - Colóquio Iberoamericano debate “Arqueologia e Património face às Mudanças Globais" - Circo Natureza

07/03/2016

Mação - Colóquio Iberoamericano debate “Arqueologia e Património face às Mudanças Globais"

O Museu de Arte Pré-Histórica de Mação recebe, dia 8 de março, o último dos 3 dias do Colóquio Iberoamericano “Arqueologia e Património face às Mudanças Globais”.

O Colóquio decorre entre 6 e 8 de março e passa por Tomar, Lisboa e Mação. Em Mação, a Sala Polivalente do Museu receberá especialistas e interessados na área de vários pontos do mundo.

Refira-se que Mação e Coimbra coordenam todas as atividades que decorrem em Portugal, em 2016, no âmbito do Ano Internacional do Entendimento Global (IYGU) sendo estas Jornadas integrantes desse programa.

As Jornadas apresentam conferências Luso-Brasileiras para debate de Direitos Humanos na Sociedade da Informação e a Arqueologia e o Património face às mudanças globais tendo, em Mação, a apresentação de dois grandes temas: Fronteiras e Migrações e Coleções de Arqueologia.

No Colóquio Ibero-americano que versará o tráfico de antiguidades, direitos culturais e posse privada dos bens da antiguidade, além de debates sobre matrizes sociais, paisagens culturais, gestão integrada dos territórios, e métodos e desafios para a sustentabilidade local e o entendimento Global.

Programa do dia 8 de março, em Mação:

9h00 | Abertura
Presidente da Câmara Municipal de Mação, Dr. Vasco Estrela
Presidente do Instituto Politécnico de Tomar, Prof. Dr. Eugénio Pina de Almeida
Vice-Presidente do Instituto Terra e Memória, Dr. José António Almeida
Presidente da Comissão de Direito Ambiental da OAB de Minas Gerais, Dr. Mário Werneck
Presidente da Comissão de Direitos Difusos e Gestão Integrada do Território da OAB de Minas Gerais e Diretor Executivo do Instituto Terra e Memória Brasil, Dr. Henrique Mourão
Pró-Presidente do Instituto Politécnico de Tomar, Prof. Dr. Luiz Oosterbeek

10h00 | FRONTEIRAS E MIGRAÇÕES. Sessão 1
Fronteiras e mobilidade no Sul do Brasil | Prof. Doutora Maria Medianeira Padoin, Universidade Federal de Santa Maria
A Geomorfologia como condicionante das fronteiras | Prof. Doutor Pierluigi Rosina, Instituto Politécnico de Tomar, ITM, CGEO
Migrações pré-históricas de grupos horticultores na Bacia Platina | André Luís Ramos Soares, Universidade Federal de Santa Maria

11h00 | Pausa

11h30 | FRONTEIRAS E MIGRAÇÕES. Sessão 2
Mobilidade, ocupação territorial e gestão de recursos na Pré-História Antiga do Médio Tejo | Sara Cura, Pedro Cura, Museu de Arte Pré-Histórica de Mação, ITM, CGEO
Mobilidade e paleoeconomia durante a neolitização da Bacia do Tejo: algumas considerações | Nelson Almeida, Instituto Terra e Memória, UTAD, CGEO
Mobilidade e arte rupestre na bacia do Tejo | Sara Garcês, Instituto Terra e Memória, UTAD, CGEO
Disponibilidade e captação de matérias-primas para a produção de pigmentos da Arte Rupestre | Hugo Gomes, Instituto Terra e Memória, CGEO
Debate

13h00 | Almoço

14h30 | FRONTEIRAS E MIGRAÇÕES. Sessão 3
Arqueologia Entre Rios, do Urussanga ao Mampituba: territórios e territorialidades no Extremo Sul Catarinense, Santa Catarina, Brasil | Prof. Doutor Juliano Bitencourt Campos, Prof. Doutorando Marcos César Pereira Santos, UNESC
Fronteiras, territorialidade e movimentos migratórios: tecnologia cerâmica e industria lítica num território em disputa, na Bacia do Jamari - Rondônia | Prof. Doutor Valdir Luiz Schwengber, Espaço Arqueologia, UNISUL Fronteiras em movimentos migratórios: tecnologias ou pessoas na mobilidade Guarani? | Mestre Jedson F. Cerezer, ITM, UTAD, CGEO, FCT, Espaço Arqueologia
Mobilidade e storymaps do Médio Tejo | Rita Ferreira Anastácio, Luiz Oosterbeek, Instituto Politécnico de Tomar, ITM, CGEO
Debate

16h00 | Pausa

16h20 | COLEÇÕES DE ARQUEOLOGIA: PÚBLICO VS. PRIVADO. Sessão 1
Importância e limites das coleções privadas | Prof. Doutor Davide Delfino, Câmara Municipal de Abrantes, Instituto Terra e Memória, CGEO O ponto de vista do colecionador | José Morgado Henriques, Papelaria Fernandes
A propriedade de bens culturais sacros: um estudo de caso sobre os santos barrocos da Igreja Matriz de Santa Luzia MG | Mestre Mário Werneck, Comissão de Direito Ambiental da OAB de Minas Gerais Conhecimento em construção - Projeto EPA | Elaine Ignácio

17h50 | Pausa

18h00 | COLEÇÕES DE ARQUEOLOGIA: PÚBLICO VS. PRIVADO. Sessão 2
The acidental antiquities lawyer: cultural property conflicts and concerns for private attorneys in the United States in a continuing era of migrating peoples and estates | Russell Doncouse
Proposta de um novo quadro jurídico | Mestre Henrique Mourão, Doutorando da Universidade de Córdoba, Instituto Terra e Memória, Comissão de Direitos Difusos e Gestão Integrada do Território da OAB de Minas Gerais
Debate final

19h00 | Encerramento

Sem comentários: