Entroncamento - Luís Mota expõe "Apontamentos de uma década" na Galeria Municipal

Luís Mota apresenta na Galeria Municipal do Entroncamento a exposição “Apontamentos de uma década”, patente ao público de 20 de outubro a 1 de novembro. A inauguração da mostra decorre no sábado, 20 de outubro, pelas 17 horas.

As obras expostas estruturam-se segundo uma linha de participação social do seu autor e integram-se no fio condutor da sua intervenção artística, que parte das vivências cívicas, profissionais e criativas.

Luís Mota nasceu em Riachos, no concelho de Torres Novas, no ano de 1956. Com percurso profissional iniciado em 1973 nos caminhos-de-ferro, na CP, no Entroncamento, e terminado em Campolide (tendo desempenhado funções de Operário Estagiário, de Desenhador, de Técnico Auxiliar e de Contramestre) redirecionou a sua carreira profissional para o ensino, a partir de 1988.

O desenho e a pintura, a história da arte, as artes decorativas, a museografia e a conservação do património cultural fazem parte do trabalho desenvolvido na Fundação Ricardo do Espírito Santo Silva onde ensinou Desenho de Ornato, Tecnologias Aplicadas, Peritagem em Arte, entre outras matérias.

A organização desta exposição contou com a colaboração de Inês Melo e Cecília Baptista, na escolha e seleção das obras, e com o contributo do Gonçalo de Figueiredo e Tiago Braga, na fotografia (Laboratório de Fotografia do Instituto Politécnico de Tomar).

Comentários